Problema versão

De Demander
Revisão de 16h12min de 4 de abril de 2019 por Marco (discussão | contribs) (Criou página com ' =Versão 3.33= Atualmente temos um processo de liberação de versão que tem um ciclo de duas semanas, buscamos ao máximo manter esse prazo por n questões internas e exte...')
(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

Versão 3.33

Atualmente temos um processo de liberação de versão que tem um ciclo de duas semanas, buscamos ao máximo manter esse prazo por n questões internas e externas.


Além disso, estamos tentando utilizar o conceito de versão beta, e a Google Play nos permite tal uso, então a intenção é sempre manter uma versão estável em produção, uma versão em Beta teste e uma versão sendo desenvolvida.


Então chegando ao final do ciclo de duas semanas, a versão Beta é promovida a versão de produção e a versão que estava sendo desenvolvida (e foi testada) é promovida a Beta, iniciando assim um novo ciclo de desenvolvimento com uma nova versão.


Dado que o ciclo de uma versão é de duas semanas, então desde o desenvolvimento até ela ser liberada a produção, temos quatro semanas a cada atualização de fato por parte dos usuários.


Para participar da versão beta, basta ir na Google Play, localizar o Demander e rolar a tela, irá aparecer um 'Participe' que deve ser clicado pelo usuário para receber essa versão beta. Já temos vários usuários nessa situação, mas precisamos aumentar um pouco este número para contemplar todas as formas de trabalho que o Demander possibilita ser usado.


Na versão 3.32 liberamos uma funcionalidade que passou pela nossa rotina de testes, os usuários que estão com a versão Beta igualmente não perceberam (ou não usam uma determinada funcionalidade do Demander) que um problema tinha passado pelo processo todo.


Como tínhamos acabado de liberar uma versão (3.33) em Beta (que já tinha passado nos nossos testes) optamos por tornar ela produção (por questões internas que não são relevantes no momento), só que esta versão, uma combinação de configurações causou um efeito colateral na emissão do pedido. Sentido por vocês.


Aqui entramos num processo de tentar o quanto antes ajustar a versão, e o instinto mais natural é 'arruma e vamos liberar para o cliente', acontece que pela pressão externa isso faz com que não passamos o nosso processo de testes completo na versão (sim ele já deixou passar o problema antes e poderia deixar passar novamente) e causamos um efeito contrário ao problema inicial (que era relacionado a desconto e passou a ser relacionado a acréscimo). Este processo de 'arrumar e liberar o quanto antes', não é recomendado e temos novamente um exemplo de porque não o é.


Sobre o nosso processo de testes...


A cada versão temos uma bateria de testes executadas de forma manual, além de uma bateria de testes executada por um 'robô' que simula algumas situações.


A cada problema encontrado (o caso específico é um), incluímos um teste no processo manual para tratar ele na próxima liberação, que para o problema em questão ainda não foi feito pois ele não está estabilizado ao ponte de dizermos que está superado e o mesmo somente é considerado no momento de quem reportou o problema nos dar essa indicação. O próximo passo nosso, é o teste deste comportamento ser automatizado.


A complexidade do Demander atualmente nos causa este tipo de efeito (deixarmos passar algum problema ao usuário final), estamos trabalhando em algumas frentes para isso ser minimizado, o que é difícil dada a demanda de solicitações de clientes que a todo momento precisam de controles adicionais para adequar a ferramenta a sua regra comercial, que são:

- Automatizar ao máximo testes que são executados por 'robôs' várias vezes antes da liberação de uma versão.

- Análise mais detalhada das demandas de clientes para que estes impactos sejam minimizados.

- Os testes manuais (que são feitos por pessoas) contemplarem os problemas que são liberados nas versão anteriores.


Enfim, para concluir, sabemos dos efeitos que um problema dessa monta causam e da insegurança que geram para as versões seguintes... mas de forma alguma tratamos esses eventos com normalidade ou pouco caso, este em específico foi mais complexo que achamos inicialmente e nos fez levar mais tempo do que gostaríamos para ajustar o mesmo.